Qual é a maior dificuldade que as pessoas sentem no conhecimento do céu a olho nu?

0 votos
222 visitas
perguntou 2 Set, 2013 por Guilherme de Almeida Galáctico (25,830 pontos)
editado 11 Nov, 2013 por Guilherme de Almeida

O objectivo desta "pergunta" é captar pedidos de informação que permitam dar respostas úteis e eficazes aos interessados.

A ideia é a seguinte: quem sente este tipo de dificuldades coloque aqui as suas perguntas, a que procuraremos responder de forma tão rápida e completa quanto possível.

Ninguém nasceu ensinado e nenhuma pergunta é demasiado básica para ser colocada. Não há nenhuma razão para que alguém se sinta acanhado ou desconfortável para perguntar.

É desejável que as pessoas exponham as suas dúvidas e dificuldades, para que conheçam o céu. Que venham as perguntas.

Saudações astronómicas.

GA

  

2 Respostas

+1 voto
respondida 25 Nov, 2013 por António Magalhães Astrónomo Avançado (5,000 pontos)
Esta é uma pergunta à qual deveriam responder muitas pessoas, pois as dificuldades poderão não ser as mesmas para todas.

Vou pois dar o meu testemunho, ou seja, referir as dificuldades que ainda hoje sinto ao observar o céu a olho nu, mas sem esquecer as que tive quando comecei.

Atualmente a principal dessas dificuldades resulta das poluições: a do ar e a luminosa.

Ver o céu em especial nas nossas cidades, mas também nas vilas e aldeias é em geral uma tarefa complicada pelo excesso de iluminação ou por uma má utilização da mesma. Para que serve uma iluminação pública ou privada que esteja voltada para cima? Para consumir energia e proteger-nos de ladrões voadores...

Essa luz vai colidir com os poluentes atmosféricos e assim retirar brilho ao céu noturno. Por exemplo, no local onde vivo, há anos que deixei de conseguir avistar a Via Láctea.

Caso se consiga ver razoavelmente o céu, a dúvida será: o que estou a ver? A ajuda de um amigo conhecedor ou de um bom mapa do céu é então essencial.

Quando comecei a observar, para me guiar recorri a um atlas e a um livro em castelhano, decerto há muito esgotado. Era o «Guia de Campo das Estrelas e Planetas». Para as estrelas era eficaz, mas não para os planetas.

Na falta de alguém que nos ajude, teremos de recorrer a trabalhos como "O Céu nas Pontas dos Dedos" ou “Roteiro do Céu” de Guilherme de Almeida.

Estes têm a vantagem de estar sempre disponíveis, até porque para ficar a conhecer razoavelmente o céu não basta uma noite ou duas. O céu visível ao início da noite é muito diferente ao longo do ano.

Para localizar os planetas, pelo menos de início, as informações das revistas da especialidade e as do Observatório Astronómico de Lisboa são fundamentais. Depois de os conhecer, serão mais fáceis de identificar.

Mas a condição mais importante para vencer as dificuldades é ter gosto em observar o céu.

António Magalhães
comentou 26 Nov, 2013 por Guilherme de Almeida Galáctico (25,830 pontos)
editado 17 Dez, 2013 por Guilherme de Almeida

Regista-se com particular agrado a adesão ao "Astronomia Q&A" do Dr. António Magalhães, autor (entre outras obras) do conhecido livro "Mitos no Céu", obra documental interessantíssima sobre a origem, mitos e lendas ligados à história das constelações:

Mitos no Céu: http://www.wook.pt/ficha/mitos-no-ceu/a/id/59981

http://astrofoto.com.pt/_v2010/index.php?page=shop.product_details&flypage=shop.flypage&product_id=475&option=com_virtuemart&Itemid=26&vmcchk=1&Itemid=26

http://www.gradiva.pt/?q=C/BOOKSSHOW/968

http://www.fnac.pt/Mitos-no-Ceu-Antonio-Magalhaes/a95259

Review deste livro: http://forum.galactica.pt/index.php?topic=3981.0

Guilherme de Almeida

0 votos
respondida 3 Dez, 2014 por Guilherme de Almeida Galáctico (25,830 pontos)
editado 6 Dez, 2014 por Guilherme de Almeida

Além do estimado  amigo Dr António Magalhães, mais ninguém se pronunciou sobre esta pergunta. Como já repararam, é uma "pergunta Caça Perguntas"...

Acontece que, neste caso, cada pessoa tem uma resposta diferente e o facto de uma pessoa ter respondido não impede que outros respondam, apresentando a sua visão pessoal do problema ou das dificuldades sentidas.

É na variedade e multiplicidade das vossas perguntas, e das respostas que daremos a essas perguntas, que está a riqueza da informação. Será esse binómio pergunta-resposta a comandar os progressos

Na verdade, para podermos ajudar, é essencial que as pessoas, sem complexos, digam o que gostariam de saber, ou dêem a saber as suas dificuldades ou perguntem por onde gostariam de começar. Ou ainda que nos transmitam qual a sua maior dificuldade a vencer...

Por isso,  neste tipo de "pergunta caça perguntas", há necessidade de muitas respostas,  que serão afinal perguntas vindas de muitas pessoas, a que iremos respondendo. Só assim o post  terá sido eficaz.

Aguardam-se, assim muitas perguntas e ainda mais comentários a esta questão. Procurarei responder às perguntas que sejam aqui colocadas.

Guilherme de Almeida

Bem-vindo ao Astronomia Q&A, lugar onde poderá perguntar e receber respostas de outros membros da comunidade.

Para profissionais e amadores nos campos da astronomia, astrofísica, astronomia e astrofísica teórica, astronomia observacional, astronomia solar, ciências planetárias, astronomia estelar, astronomia galáctica e extra-galáctica, cosmologia, astrobiologia entre muitas outras.



Antes de doar leia o nosso comunicado

154 perguntas

196 respostas

167 comentários

183 usuários

Partilhar Questão

Contador de Visitas
...